Páginas

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

Está aí alguém?

Dos momentos em que nos sentimos tão fora de nós que nem sabemos bem quem somos. Não tem mal, acontece. Andamos tão assoberbados que perdemo-nos no meio da multidão e do arrastão. Depois há algo que nos faz parar. Que nos pergunta está aí alguém? E apesar de parecermos um corpo vazio de tudo, lá no fundo há um ser que precisa de ser redescoberto, reanimado.

Mimem-se, acariciem-se, cuidem de vocês! Respeitem-se. Amem-se. Perdoem-se. Aceitem-se. Vivam para viver!



Nota: post meio esquisito e um mantra para repetir todos os dias.

Sem comentários:

Enviar um comentário