Páginas

quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Mudar de hábitos e ser ainda mais feliz

Não é nova a minha necessidade de mudar e planear, mas a minha pressa (e pouca paciência) em esperar que as coisas aconteçam desmoraliza-me e acaba por me petrificar.
Mas depois acontecem coisas que me voltam a despertar para a missão que tenho em mãos e voltar a definir estratégias para lá chegar.
Este planeamento que fiz antes das férias derrapou, a “falta” de tempo, ou melhor a falta de organização fez com que fosse ficando para segundo, terceiro, quarto, décimo plano e de uma série de coisas listadas apenas uma está acontecer. O que me fez refazer o plano, afinal não há como comer um elefante todo de uma vez, certo? Por isso o melhor é parti-lo às postas.
Quando se tem um trabalho a tempo inteiro, se é mãe, mulher e ainda se tem as tarefas de casa para fazer, as horas voam. Foi por isso que decidi mudar um hábito simples: acordar às seis da manhã. Vou começar a sair da cama uma hora mais cedo o que vai fazer toda a diferença porque me vai dar um momento apenas para mim e para este plano em concreto, enquanto o resto da casa dorme tranquila e silenciosamente.
A semana passada, correu mal. Apesar do despertador tocar, não conseguia levantar-me. Mas para criar novos hábitos temos de ir fazendo as coisas progressivamente, definindo pequenas metas que consigamos cumprir, por forma a ganhar confiança e o corpo se ir habituando.
Foi por isso que esta semana adotei outra técnica: começar a levantar-me dez minutos mais cedo em cada dia da semana. Ontem foi às 06h50, hoje às 06h40 e assim sucessivamente até chegar às 06h.
Se custa? Custa, mas o bem-estar e a felicidade que sinto por ter aqueles minutos só para mim compensam o sacrifício.
E por aí? Mais alguém madrugador?
Foto do pequeno-almoço! Estava esganada! :)

Sem comentários:

Enviar um comentário