Páginas

quarta-feira, 17 de junho de 2015

Balance

Desde há alguns anos atrás que busco conscientemente ser feliz, praticar a gratidão, aceitar-me e gostar de mim todos os dias mais um bocadinho (coisa quem nem sempre consigo, problemas de autoestima é uma cena tramada, acreditem).
Para além destas coisas sinto e sei que preciso encontrar um equilíbrio entre as diversas áreas da minha vida. Talvez por isso, ontem ao ler este post a frase: "Being dedicated to your work, your family and to yourself doesn’t have to be mutually exclusive." da autoria de Mary Barra, CEO da General Motors, me fez tanto sentido.
Admiro as pessoas que aparentemente conseguem estar sempre em equilíbrio, ter tempo para tudo e questiono-me muitas vezes como é que conseguem. Se calhar passam mais tempo a fazer coisas, do que a arranjar desculpas para não as fazer, se calhar têm um discernimento mental melhor que o meu e são com certeza pessoas melhor resolvidas.
O caminho faz-se caminhando e sei que a pouco e pouco vou conseguindo encontrar-me e estar cada vez mais em equilíbrio e em sintonia comigo própria. Tenho é de me lembrar mais vezes disto.

Sem comentários:

Enviar um comentário