Páginas

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Sobre os Gap pais/filhos

Um grande grande amigo meu, já lá vão uns anos, disse-me, num momento em que desabafava sobre uma discussão com o meu pai, que o Gap entre pais/filhos é normal e acontece sempre, principalmente até os filhos atingirem a idade adulta.
É normal pela diferença de idades, pelas hormonas e porque durante muito tempo é importante que os papéis pais/filhos esteja bem definido.
Com o passar do tempo, com o amadurecimento dos filhos é bem provável que pais/filhos se tornem melhores amigos.
E cada vez mais acho que aquilo que o meu amigo me disse foi muito sábio.
Eu própria sinto que com o passar dos anos, o meu pai, aquele com o qual tinha mais dificuldades de comunicação e atrito, se tem tornado no meu melhor amigo e vice-versa.
Cada vez mais penso que os nossos pais são sem dúvida os nossos melhores amigos, que os devemos estimar, acarinhar, dizer-lhes que os admiramos, que os amamos, sem medos, sem receios, porque eles merecem. Merecem isso e muito mais. Merecem acima de tudo que estejamos lá para eles, como eles sempre estiveram lá para nós, mesmo quando achávamos que não.
Porque os nossos pais, a nossa família é sem dúvida o nosso bem mais precioso.

Sem comentários:

Enviar um comentário