Páginas

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Primeiras férias com o puto: o rescaldo

Acabaram-se as férias e estamos de regresso ao trabalho e à rotina do dia a dia. Só eu sei o que me custou ontem voltar a programar o alarme para despertar todos os dias úteis às 06h50.
Mas, adiante. Perguntam vocês: então e essas primeiras férias com o miúdo?
E eu digo-vos que foram muito melhores do que poderia ter imaginado.
A primeira semana estivemos no Alfamar, na Praia da Falésia. Hotel top a nível de localização, serviço e instalações satisfatórias, mas muito babyfriendly. Depois destes dilemas, acabei por decidir relaxar e não levar sopas, nem yammi, nem varinha mágica. Se o hotel tinha um creme de legumes sem sal para quê estar a redobrar trabalho. E olhem, correu muito bem. Francisco comia a sopinha, que complementava com carne ou peixe do nosso e depois marchava uma fruta e estava o almoço ou o jantar dado. Claro que houve birras para não comer, mas férias são férias e decidi não me chatear muito. Se ele não queria comer, não insistia, comia depois. E foi ótimo. Os três adoramos praia, mar, areia por isso a primeira semana de férias foi para todos muito muito bom.
A vista do nosso quarto.

A piscina

Os jardins em volta da piscina

O Hotel visto dos jardins

O acesso à praia

A praia

A praia


Já a segunda semana de férias, estivemos uns dias por Lisboa e depois rumamos ao Oeste a casa dos avós. Francisco delira com os animais e o espaço todo que tem no campo e é maravilhoso vê-lo todo contente a brincar com os avós.
Agora com o Francisco acabaram-se as tardes deitada na toalha a trabalhar para o bronze, as horas intermináveis a ler, o dormir até à hora de almoço, mas ganhou-se muita brincadeira, muitos mimos, muitos sorrisos e uma alegria inimaginável todos os dias.

E hoje… hoje foi penoso acordar cedo e deixar o Francisco na creche novamente. O que me consola é saber que ele está bem e ficou todo contente e entusiasmado de voltar “à creche e à hora da brincadeira” ,como eu lhe chamo.

Sem comentários:

Enviar um comentário