Páginas

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Acordos pré-nupciais

Quando começamos a partilhar a mesma cama, uma das regras que o homem impôs foi a de que ninguém daria pums debaixo dos lençóis. Quando um de nós tivesse essa necessidade que metesse o rabinho do lado de fora da cama e o fizesse. 
Na altura pareceu-me muito bem e concordei de imediato com a regra. 
E ao longo destes quatro anos de relação tenho sido uma boa menina e cumprido a dita regra, até agora. É que ultimamente o Francisco tem acordado mais vezes durante a noite, o que me obriga a mim a levantar-me mais vezes e depois de estar no quentinho outra vez, quase a dormir, estar a meter o rabinho de fora da cama, voltar a sujeitar-me ao frio é uma chatice. Então, a medo, tenho quebrado a regra, mas cada vez que o faço, rezo para que saia silencioso e inodoro e ele não se aperceba. Eu, pecadora me confesso que até agora a coisa tem corrido bem, mas cheira-me que se ele descobre isto ainda dá divórcio.

Sem comentários:

Enviar um comentário