Páginas

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Voltei a mexer o esqueleto

Comecei hoje as aulas de ginástica pós parto e digo-vos que estou mais cansada de toda a logística do que propriamente da aula, até porque da aula só fiz 20 minutos.
Ora para começar o menino Francisco decidiu esticar as mamadas e em vez de mamar às 13h, mamou  às 14h. A aula começava às 15h e para conseguir estar lá a tempo dei-lhe mama a correr (primeiro ponto para a coisa não correr lá muito bem). Depois decidi começar a chuviscar, podia ter sido pior e cair uma carga d'água, mas tive de pensar bem onde estacionar e como o levar. Felizmente consegui um lugar de estacionamento relativamente perto, mas com parquímetro. Azar do caraças não tinha nem um cêntimo comigo. Pensei: que se lixe, vou arriscar e depois logo se vê. E lá fui eu com saco da ginástica, saco do Francisco e a pensar que provavelmente quando terminasse a aula teria o carro bloqueado. Cheguei ao Centro Pré e Pós parto e lá deixei o Francisquinho entregue à ama e fui para a aula, mas sabia que ele tinha mamado pouco e que podia não aguentar o tempo todo da aula. Dito e feito, 10 minutos depois de começar a treinar (note-se que já devo ter chegado uns 15 minutos atrasada), lá vai a ama Mena levar-me o Francisco, que ele tinha a começar a berrar do nada. Tive de lhe dar mama e lá fui eu novamente para a aula, apenas para fazer o relaxamento que a aula estava a acabar.
Quando terminou a aula já estava novamente o Francisco a chorar, desta vez com cólicas. Lá tive a acalmá-lo um bocadinho e fomos embora.
Chegados perto do carro vejo o senhor da Emel de maquineta na mão pronto a multar-me e pensei: "tou f@&€"!. Felizmente há pessoas de bom coração neste mundo e o senhor quando me viu mais descabelada e desengonçada que uma marioneta, seguiu o seu caminho como se não tivesse visto que eu não tinha colocado ticket, um amor.
Por isso, não posso dizer que este primeiro dia de regresso ao abananço do esqueleto tenha corrido mal, mas caramba, se antes era preciso uma grande força de vontade para mexer este rabinho, agora tenho mesmo de ter uma ajuda divina de motivação.

Sem comentários:

Enviar um comentário