Páginas

quarta-feira, 10 de abril de 2013

Já me tinham avisado que as grávidas têm de aprender a filtrar muito bem o que lhe dizem, porque vem toda a gente mandar o seu bitaite, todos têm os melhores conselhos do mundo e patáti patátá…
Até há pouco tempo não tinha sentido essa necessidade. Mas agora que já comecei a ouvir comentários que aos meus ouvidos me soam a música desafinada, apercebi-me que tenho mesmo de começar a filtrar. Vêm as histórias de gravidezes que correram mal, de crianças às quais aconteceu isto ou aquilo, de partos difíceis, de doenças raras e uma pessoa tem de ignorar.
Por isso, se vierem contar-me histórias com finais felizes e dizer coisas agradáveis podem fazê-lo, se não… nem vale a pena chegar perto.
Aqui a grávida agradece!

5 comentários:

  1. eu não sou uma gaja que se deixa impressionar, mas soubesses tu a quantidade de histórias e historietas que ouvi...

    (by the way... se precisares, efectivamente, de alguma dica sobre a lista, diz qualquer coisa :) )

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Cristina,
      Todas as dicas sobre a lista são bem vindas :) Chuta todas as que puderes... hehehe

      Beijinho grande,
      m

      Eliminar
  2. É isso aí: no filtrar é que está o ganho ;)
    Convém também filtrar as coisas que nos dizem de que vamos precisar. Quando fizeres o curso pré-parto, as enfermeiras vão te dar uma ajuda e falar sobre aquilo que TENS mesmo de ter e não aquilo que a publicidade ou as mães complicadas dizem que tens de ter. Descomplica ao máximo. Por exemplo, não é preciso ter esterilizador de chuchas, acho isso uma completa parvoíce. Nos primeiros meses, basta esterilizar tudo numa panela grande e depois, deixa-o ganhar imunidade. Todos os pais que conheço que compraram tudo e mais alguma coisa para o filho para, supostamente, o proteger acabaram por só conseguir duas coisas:
    1. aumentar os seus níveis de ansiedade (dos pais)
    2. conseguir com que a criança tivesse tão pouca imunidade que a partir dos 4 meses são doenças atrás de doenças.
    E nem penses em comprar daqueles painéis-alarme para prevenir a morte súbita! É que não previnem nada. Só começam a apitar do nada e acordam o prédio todo, além de servirem para esvaziar mais um pouco a carteira dos pais e criar ansiedade.
    A ansiedade já é tanta ao princípio, para quê complicar mais?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada minha querida! Estas palavras de conforto são sempre tão bem vindas! Já agora onde fizeste o teu curso de preparação para o parto?

      Eliminar
    2. No centro pré e pós-parto em Entrecampos. Gostei muito. Também lá andei na ginástica de recuperação pós-parto.

      Eliminar