Páginas

terça-feira, 30 de abril de 2013

Ainda sobre o primeiro pontapé...

… e a pedido do pai da criança, vou  tentar descrever mais pormenorizadamente o momento, para quando for velhinha poder vir aqui reler e me lembrar como foi.
Pois que de domingo para segunda, fiquei a fazer um trabalho para a faculdade até às quatro e meia da matina, fui deitar-me ainda um bocado com os nervos em franja e estava às voltas na cama quando começo a sentir algo estranho, parecia quase que me estavam a fazer cócegas do lado direito da barriga e ao mesmo tempo que andava água a andar de um lado para o outro lá por baixo. Foi então que parei e pensei: “ espera lá, se calhar isto é o bebé a mexer” e de repente senti um pequeno pontapé (ou murro), parecia quase um mini dedito a bater lá dentro na barriga: tick. Voltei a parar e a pensar: “Será que é mesmo??” e foi quando coloquei a mão na barriga e o meu bebé voltou a brindar-me com outro toque semelhante. Foi nessa altura que lhe agradeci por aquele momento, e que as lágrimas começaram a correr em bica. É indescritível este momento, único e de uma felicidade imensa.
Entretanto a criança continua por aqui a brindar-me com os seus kicks e eu radiante da vida.

2 comentários: